Escreva para a RUA

A aba subjetiva da Revista Universitária do Audiovisual (RUA) compreende todos aqueles textos que se encaixem nas características de artigos, críticas ou ensaios, sem um tema previamente selecionado, como nas edições especiais, com os dossiês. De produção contínua, a aba subjetiva tem o propósito de reunir textos da comunidade acadêmica, graduandos e pós-graduandos, pertencentes à Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), desde que tais textos dialoguem diretamente com Cinema/Audiovisual, promovendo assim o engajamento dos alunos da presente instituição, criando um espaço capaz de promover múltiplas perspectivas a respeito do assunto, sob diferentes mediações disciplinares. 

A RUA estará aberta para futuras submissões, desde que estas sejam enviadas diretamente para o e-mail da revista: rua-ccis@ufscar.br, onde uma análise será feita por membros da equipe editorial. Tal análise levará em conta aspectos gramaticais, de coerência e desenvolvimento teórico, sobretudo, para isso, aconselha-se que os textos a serem submetidos contenham uma pesquisa metodológica a ser referenciada, com exceção às críticas fílmicas. 

Sobre o processo de aceitação dos textos enviados para o e-mail da revista, ressaltamos que serão aceitos textos de caráter inédito, ou seja, que não foram publicados previamente em nenhuma outra plataforma. O parecer final, isto é, a decisão de publicar ou não um determinado texto, será enviado ao remetente assim que a análise textual estiver concluída. Ressalta-se que, em caso de recusa, a identidade do remetente será preservada em sua totalidade, assim como dos pareceristas, que não será divulgada em quaisquer momentos do processo seletivo. 

Atenciosamente, a editoria da RUA. 

Abaixo, algumas normas a serem seguidas antes de submeter alguma produção para análise: 

TÍTULO

Artigo/Ensaio: Livre 

Crítica: “Nome do filme (Ano), Diretor”

Exemplo: “A Flauta Mágica (1975), de Ingmar Bergman”

OLHO

Por volta de 20 a 30 palavras, no máximo, descrevendo a ideia central do texto.

Exemplo: “Em um filme-ópera, Ingmar Bergman mistura linguagens para representar a ascensão da burguesia e a queda da aristocracia.”

FONTE E FORMATAÇÃO

Times New Roman, tamanho 12, espaçamento 1,5.

CITAÇÃO DE FILMES, SÉRIES E LIVROS

Itálico, acompanhado do ano de publicação e, em caso de livro, acompanhado do diretor/autor (necessário apenas na primeira aparição)

Exemplo: “Scarface (1983), de Brian De Palma, é um longa-metragem frontal em todos os sentidos.”

FORMATO DE ENVIO

Os textos devem ser enviados para análise, preferencialmente, em formato .doc ou .docx. 

REFERÊNCIAS

Colocá-las ao fim do texto, seguindo norma ABNT.

TAMANHO 

Serão aceitos textos com tamanho máximo de cerca de 15 páginas.