As representações de Umbanda e Candomblé no Cinema brasileiro setentista enquanto metáfora das identidades nacionais.

Por Vinicius Chimirri Fotograma de Tenda dos Milagres (Nelson Pereira dos Santos, 1977) Analisar as concepções do que é nacional e popular no cinema brasileiro é, como pontua Jean-Claude Bernardet…

Continuar lendoAs representações de Umbanda e Candomblé no Cinema brasileiro setentista enquanto metáfora das identidades nacionais.

“Bicha, a senhora é destruidora mesmo” – Uma análise do queer como símbolo de resistência em O Animal Cordial e Bacurau

O queer como uma ferramenta que rompe com padrões de performance de gênero em O Animal Cordial e Bacurau

Continuar lendo“Bicha, a senhora é destruidora mesmo” – Uma análise do queer como símbolo de resistência em O Animal Cordial e Bacurau

Filmes de Estrada do Brasil – produções nacionais e coproduções internacionais

  Mesmo apresentando alguns “problemas de definição”, no sentido de conseguir delimitá-los precisamente, assim como em outros gêneros audiovisuais, os road movies têm vários estudos voltados para produções que apresentam…

Continuar lendoFilmes de Estrada do Brasil – produções nacionais e coproduções internacionais